Exército Finalmente Chega as Ruas

Finalmente o clamor das ruas pela presença das Forças Armadas no Rio de Janeiro em favor da Segurança começou a dar os primeiros sinais de uma atuação, muito modesta por enquanto, dois dias depois de numa manifestação de Policiais pedindo reação ao crime em Copacabana, quando o presidenciável   JAIR BOLSONARO e seu Filho deputado estadual, Flávio Bolsonaro, partiram para o confronto com o crime que assola o Rio dizendo que se querem Violência, temos que combater com mais violência ainda, para que esses marginais sanguinários temam pela própria vida…. Não é com flores ou Direitos Humanos que vamos varrer a criminalidade do Rio de Janeiro” disparou Bolsonaro.:

 

“Bolsonaro acusou a Justiça brasileira de privilegiar bandidos e defendeu o armamento da população para combater a violência. Ele criticou as punições dadas aos policiais que matam bandidos em serviço, afirmando que desta maneira “quem tem retaguarda jurídica é o marginal”.

“A violência se combate com energia, e se for o caso com mais violência ainda, se vocês têm um fuzil para colocar no peito ou uma pistola para colocar na cintura, é porque o Estado deu essas ferramentas para vocês, essa arma é para ser usada. Se atira, o policial sabe qual o destino dele, e se não atira também, ou vai para a cova ou para o batalhão prisional”, disse sendo muito aplaudido.

Bolsonaro justificou a defesa do armamento da população para combater a violência com o fato de os Estados Unidos, onde o armamento é liberado, ter, segundo ele, índices de violência oito vezes menor do que no Brasil. Ele defende também que o policial tenha o direito de matar sem ser punido, o que, na opinião dele, é a solução para a violência do Rio.

“Se o presidente da República tivesse o mínimo de vergonha na cara, como esse picareta do Temer não tem, e se o presidente da Câmara dos Deputados também tivesse vergonha na cara teria derrubado essa resolução chamada audiência de custodia, que nem lei é, é uma decisão do Conselho Nacional de Justiça”, disse em discurso em cima do carro de som. A audiência de custódia coloca frente à frente o autuado e o juiz, para sejam assegurados o respeito aos direitos fundamentais da pessoa submetida à prisão.”

PERSEGUIDO PELA GRANDE IMPRENSA, BOLSONARO ACREDITA NAS REDES SOCIAIS para mobilizar a população contra o crime que assola o Rio de Janeiro (foto de ANTÔNIO JOSÉ)

Rio – Homens do Exército e da polícias Militar e Civil realizam, na manhã desta terça-feira, uma operação nas favelas do Complexo do Lins de Vasconcelos, na Zona Norte. Até as 8h45, seis homens, que tinham contra eles mandados de prisão expedidos pela Justiça, já foram presos. Neste momento, a Autoestrada Grajaú-Jacarepaguá está fechada nos dois sentidos. As opções para os motoristas são a Linha Amarela ou o Alto da Boa Vista. O trânsito na Linha Amarela, sentido Zona Norte, é bem lento nesta manhã. O congestionamento já tem reflexos na Barra da Tijuca.

Finalmente Militares são vistos no Complexo do Lins de Vasconcelos, Zona Norte do Rio(imagens Rede Globo)

Em nota oficial, o Comando Conjunto diz que “a ação envolve cerco, estabilização dinâmica da área e desobstrução de vias. Serão cumpridos mandados de prisão por parte da Polícia Civil”.

A Polícia Militar bloqueia vias de acesso à comunidade a fim de impedir fuga de criminosos e coibir roubos de veículos e de cargas em geral. São empregados 3.400 militares das Forças Armadas, 150 policiais militares e 350 policiais civis, com apoio de meios blindados, aeronaves e equipamentos pesados de engenharia.

Ainda de acordo com a nota, algumas ruas e acessos na região poderão ser interditados, e setores do espaço aéreo poderão ser controlados, oportunamente, com restrições dinâmicas para aeronaves civis. Não há interferência nas operações dos aeroportos.

Reportagem O Dia/IG

One Reply to “Exército Finalmente Chega as Ruas”

  1. Piada desses interventores: encher de policiamento o Centro do Rio e Copacabana, os locais mais policiados da Cidade Maravilhosa. Queria ver desembarcarem de Helicópteros nos principais esconderijos de marginais e Paiol de armas no Morro da Providência, Tuiuti, Mangueira, Morro do Alemão, Jacarepaguá e Jacerezinho… se isso fosse feito: Centenas de armas seriam apreendidas e centenas de bandidos seriam presos ou mortos: Guerra é guerra ganha quem tem maior Poder de fogo… CADÊ A INTERVENÇÃO??? CADÊ OS MILHARES DE MILITARES??? ??? Vergonha Nacional..

Comentários estão fechados.